canonical logo

Você usa alguma distribuição Linux ou é familiarizado com o meio do software livre? Então é provável que conheça essa a Canonical. Se não, explicamos agora.

A Canonical é uma empresa sediada em Londres que foi fundada pelo sul-africano Mark Shuttleworth em 2004, e tem como foco o desenvolvimento de software e é responsável pela distribuição Ubuntu.

Mark Shuttleworth

A empresa surgiu quando Mark, um programador de computadores que ficou milionário após vender sua empresa de segurança digital, a Thawte, em 2002, decidiu investir em um sistema operacional que pudesse ser utilizado sem qualquer custo e que fosse acessível para qualquer pessoa.

Nos dias de hoje o Ubuntu é a distribuição Linux mais utilizada no planeta, segundo o site Distrowatch, e conta com um número de usuários de aproximadamente 13 milhões de pessoas, segundo a própria Canonical. Além dessa quantia considerável de usuários, várias gigantes da tecnologia como a Dell, HP e Intel, apoiam a Canonical e seu sistema operacional.

Atualmente na versão 10.10, o Ubuntu é considerado hoje a maior porta de entrada para o mundo GNU/Linux.

Assim como o Kurumin anos atrás, a distribuição idealizada por Mark Shuttleworth se mostra como uma alternativa acessível e de fácil compreensão, uma vez que, graças ao esforço da Canonical e de uma grande comunidade atuante e que está sempre pronta para ajudar, consegue unir toda a segurança do Linux com a facilidade do Windows e, porque não, com o visual atraente do MAC OS X.

Negar o fato do Ubuntu hoje representar uma grande influência na democratização do software livre é andar para trás.

Conheça mais sobre o assunto. Dê uma chance ao software livre e verá que pode ser tão bom quanto os sistemas proprietários. Visite o site oficial da Canonical e também o do Ubuntu.