O BitTorrent é comumente associado com a disseminação de conteúdo pirata. Porém, ao contrário do que o senso comum pensa sobre esse protocolo de rede, esse não é o seu único propósito. Diversas empresas responsáveis pelo desenvolvimento de distribuições Linux e até mesmo a Blizzard, famosa pelo desenvolvimento de jogos, utilizam o protocolo.

Isso melhora a velocidade dos download e, é claro, permite às empresas economizarem com servidores. Além disso, qualquer pessoa pode utilizar o BitTorrent para distribuir arquivos grandes sem precisar gastar com hospedagem. O que torna esse protocolo tão eficaz para a distribuição de conteúdo?

Quando você acessa uma página como essa, seu computador baixa os dados diretamente de um servidor central. Esse e outros computadores que acessarem essa página se comunicaram apenas com esse servidor. Se o servidor não tiver largura de banda o suficiente para atender essa demanda, a conexão ficará lenta.
rede-centralizada
Já no protocolo BitTorrent, todos os computadores se comunicam entre si. Não há a necessidade de um servidor centralizado, apenas um tracker (servidor especificado no torrent) precisa ser contatado. Um computador passa a fazer parte da “rede” assim que o download de um arquivo .torrent é iniciado pelo cliente, ele baixa e faz o upload do arquivo ao mesmo tempo.
rede-bitorrent
É importante lembrar que o arquivo não é baixado por meio do tracker, eles apenas compartilha seus endereços de IP com clientes BitTorrent para que o arquivo em questão possa ser baixado. O download e o upload é feito exclusivamente pelos computadores que fazem parte da rede.

Costuma-se dizer que “quanto mais seeds, melhor”, mas, o que eles são? Seeds vem de Seeders, que são os usuários que deixam o arquivo conectado, mesmo quando terminam de baixa-lo. Isso ajuda na banda de upload. Quando mais seeds, mais velocidade para fazer o download de um determinado arquivo. Leechers ou peers são os usuários que estão baixando o arquivo.

O uTorrent, é o cliente BitTorrent para Windows mais leve que eu já testei, recomendo.