O Nokia Lumia 920 chegou há algum tempo no mercado brasileiro e continua a ser o modelo topo de linha da companhia por aqui. Em breve a empresa deve lançar novas linhas em território nacional e ao que tudo indica também teremos o anúncio internacional do novo aparelho Windows Phone 8 com uma "super câmera", mas este modelo ainda deve levar algum tempo até que chegue às nossas terras.

A minha primeira experiência com a linha Lumia não foi lá aquelas coisas, até porque o que faz um aparelho interessante como um todo, é o sistema que ele roda e eu me decepcionei com o Windows Phone 7. O Lumia 920 é um baita dum aparelho, principalmente para tirar fotos, a câmera com tecnologia PureView impressiona, mas será que Windows Phone 8 conseguiu causar uma impressão diferente desta vez? É o que eu descrever ao longo dessa análise.

Especificações Técnicas

  • Processador: Qualcomm MSM8960 Snapdragon Dual-core 1.5 GHz Krait
  • Memória RAM: 1 GB.
  • Tela: IPS LCD de 4,5 polegadas com resolução de 768 x 1280 pixels (~332 ppp - pixel por polegada) com tecnologia PureMotion HD+ ClearBlack e vidro Gorilla Glass 2.
  • Câmera: 8 megapixels (traseira) com lente Carl Zeiss, estabilização de imagem óptica, autofoco, flash dual-LED e câmera frontal de 1.3 megapixels.
  • Bateria: 2.000 mAh.
  • Conectividade: 3G, 4G, Wi-Fi, A-GPS, GLONASS, Bluetooth 3.1, NFC e entrada micro-USB 2.0.
  • GPU: Adreno 225.
  • Memória externa: não suporte micro-SD.
  • Memória interna: 32 GB.
  • Dimensões: 130.3 x 70.8 x 10.7 mm.
  • Peso: 185 gramas.
  • Plataforma: Windows Phone 8.
  • Sensores: acelerômetro, bússola, giroscópio, proximidade.

Design e construção

O aparelho tem um estilo muito bonito, seguindo praticamente a mesma linha do modelo anterior, o Lumia 800. A construção em policarbonato em peça única faz ele parecer resistente (e é mesmo), entretanto sentimos um aparelho bem pesado, mais do que estamos acostumados. No mesmo período em que testei o LG Optimus G eu estava com o Lumia 920 e a sensação de diferença é grande, mas depois de um tempo acaba-se por acostumar com isso e no uso diário não incomoda.

Os botões do Lumia 920 foram bem posicionados, em uma lateral não há nenhum deles, enquanto no lado direito estão os botões para controle de volume, liga/desliga e o botão dedicado para a câmera. Na parte de baixo do aparelho estão as saídas de som, gosto muito quando elas se posicionam aqui, uma vez que quando colocamos algo para tocar o som não fica abafado, além disso temos ainda a porta micro-USB. Na parte de cima há o conector para os fones de ouvido e o slot para o SIM Card.

Imagens do Aparelho

Câmera

Nokia-920 (1)
O ponto mais importante do aparelho, uma vez que a Nokia deu um grande foco durante as campanhas de publicidade do Lumia 920. A câmera do aparelho possui a tecnologia PureView, que foi introduzida no Nokia 808 PureView, foi o primeiro aparelho da companhia com a tal novidade no Windows Phone 8. E realmente ela não decepciona, as fotos tiradas são de qualidade absurda, com cores bem vivas, principalmente à luz do dia. Um dos atrativos é a qualidade das imagens mesmo em ambientes com iluminação baixa e realmente os resultados surpreendem.

É uma verdadeira "câmera de bolso" que pode atrair fotógrafos profissionais, afinal, nem sempre estamos com uma DSLR na mão e o celular nos acompanha em todos os lugares. A estabilização para os vídeos também funciona como prometido.

Foto tirada em péssimas condições de iluminação:
Nokia-920 (6)

Os recursos da câmera são:

  • ISO: 100, 200, 400 e 800
  • Exposição: -2 a +2 EV, em escala de 1/3
  • Equilíbrio de branco: Nublado, Luz do dia, Fluorescente e Incandescente
  • Fator de forma: 4:3 e 16:9
  • Luz auxiliar de foco: ligada ou desligada

Uma atualização de software da Nokia, chamada Amber, que deve chegar nas próximas semanas, promete melhorar ainda mais a qualidade das imagens.

Bateria

Considero a bateria do Lumia 920 um ponto neutro do aparelho. Ela não me surpreendeu, mas não decepcionou, ficou na média dos outros topo de linha do mercado, em uso moderado com o 3G ligado durante poucas horas, quase toda a parte do tempo conectado ao Wi-Fi, uso de aplicativos de redes sociais, consultas de e-mails, brilho sempre no automático e música tocando em boa parte do tempo ele conseguiu ficar longe da tomada o dia inteiro, com uma duração média de 10 a 12 horas. Nos dias em que usei ele um pouco mais intensamente, utilizando o 3G como principal fonte de conexão, vendo vários vídeos do YouTube, brilho no automático e mais uso da web, a bateria durou um pouco menos, tive que recarregá-lo após cerca de 6 horas de uso.
Nokia-Lumia-920 (2)
O Windows Phone 8 possui o recurso de economia de energia, você define determinada porcentagem e a partir dela ele irá ativar o recurso automaticamente, ajuda um pouco nos dias em que você acha que usará mais o dispositivo. Porém, nunca confie na estimativa que ele dá, sempre é muito mais, ou muito menos, do que realmente a bateria irá aguentar.

Desempenho geral e sistema

O desempenho do aparelho em si me agradou. As transições de tela são rápidas, os jogos rodam com tranquilidade, a reprodução de vídeos é uma beleza, ainda mais com a tela dele que tem cores muito vivas, a câmera se inicia rapidamente. Tudo é muito bom, até que o Windows Phone 8 começa a te irritar em algumas coisas, não estou dizendo que o sistema é horrível, pelo contrário, ele tem uma aparência bacana e dá a sensação de ser muito rápido e moderno, contudo estou acostumado com o iOS e Android, dois sistemas muito mais consistentes e evoluídos. Faltam algumas coisas na plataforma da Microsoft, como uma central de notificações.

O navegador, Internet Explorer, me irritou bastante do uso, ele quebrou a visualização de muitos sites que acesso sempre como o All Things D, inclusive o layout aqui do PortalTech. Seria ótimo se houvesse boas alternativas, já o Google Chrome seria perfeito, através dele seria possível sincronizar as abas abertas em outros dispositivos e os favoritos.

Sobre outros aplicativos, a Windows Phone Store tem aplicativo para tudo, realmente. Mas nem todos possuem interfaces amigáveis e muitos serviços só contam com alternativas de terceiros, o que me incomoda bastante. Não encontrei uma solução para o Pocket, não encontrei um leitor de feeds que agradasse, Google Drive, Dropbox, entre tantos outros. Faltam apps que o integrem melhor ao mercado e isso só virá com o tempo.
Nokia-Lumia-920 (9)
Mas existem algumas coisas que me deixaram bem contentes, o teclado virtual do Windows Phone 8 é sensacional, a previsão de texto é bastante completa e raramente você aperta a tecla errada. Além disso o pacote Office já vem no aparelho, uma ótima ideia. A tela inicial completamente personalizável é bem bacana, você organiza seus aplicativos da maneira que quer, os tiles que você configura para ficarem maiores exibem informações dali mesmo, mas isso não quer dizer que o sistema não precise de uma barra de notificações, não é, Microsoft?

Não posso deixar de citar o software de mapas com navegação offline da Nokia, ele estava disponível apenas para os aparelhos da empresa finlandesa, mas agora chegará a todos os smartphones com Windows Phone, de graça em alguns países, porém em outros com um preço bem salgado.

Preço

O valor do aparelho é salgado, na verdade é o mesmo que os outros topo de linha custam. O preço sugerido é R$ 1.999,00, mas ainda assim é possível encontrá-lo por um preço mais interessante pagando a vista no boleto em grandes lojas, sai por cerca de R$ 1.799.

Pontos Positivos

Câmera, com qualidade indiscutível.
Resistência, a construção do aparelho demonstra, além do belo design, ótima resistência.
Tela com cores vivas

Pontos Negativos

Sistema, o Windows Phone 8 ainda perde em muitos aspectos para a concorrência

Conclusão e Notas

O Nokia Lumia 920 possui bom hardware, a melhor câmera entre os modelos topo de linha do mercado, entretanto deixa a desejar no Windows Phone 8, que ainda é um sistema que tem muito o que evoluir, como citei durante toda a análise. Ainda assim, se você tira muitas fotos e o foco do seu aparelho é na câmera, o Lumia 920 é uma ótima opção. Se procura por mais variedade de aplicativos, talvez seja melhor pensar em um modelo robusto do Android ou o iPhone.

Câmera = Nota 10
Bateria = Nota 8
Velocidade = Nota 8
Sistema = Nota 6
Preço = Nota 7

Avaliação = Nota 7,8 de 10.