Já testei o modelo topo de linha da Nokia, o Lumia 920 agradou principalmente pela sua câmera que é incomparável a qualquer outra presente nos aparelhos atuais. Agora recebi o Lumia 520, o modelo básico da companhia que roda Windows Phone 8 também, inclusive, esse é o dispositivo Windows Phone mais popular do mundo. Será que toda sua popularidade se traduz em satisfação dos usuários e uma experiência agradável?

Claro que, ao testar um celular de custo menor, minha visão crítica também muda, afinal, ele precisa cumprir com o que promete dentro da sua faixa de preço. Nos próximos parágrafos irei lhes contar o que agradou e o não agradou no Lumia 520.

Especificações Técnicas

  • Processador: Qualcomm MSM8227 Dual-core 1 GHz.
  • Memória RAM: 512 MB.
  • Tela: IPS LCD de 4 polegadas com resolução de 480 x 800 pixels (~233 ppp – pixels por polegada).
  • Câmera: 5 megapixels, filma em 720p.
  • Bateria: 1.430 mAh.
  • Conectividade: 3G, Wi-Fi, A-GPS, GLONASS, Bluetooth 3.0 e entrada micro-USB 2.0.
  • GPU: Adreno 305.
  • Memória externa: suporte micro-SD de até 64GB.
  • Memória interna: 8 GB.
  • Dimensões: 119.9 x 64 x 9.9 mm.
  • Peso: 124 gramas.
  • Plataforma: Windows Phone 8.
  • Sensores: acelerômetro, proximidade.

Design e construção

O Lumia 520 apesar de ser um aparelho de baixo custo, tem um acabamento bem feito, achei ele bem bonito, mesmo sendo de plástico o material aparenta ser bem resistente e dá um bom feeling nas mãos. Admito que para um aparelho de R$ 550,00 é um acabamento que eu não esperava. Ele é quadrado na frente e a traseira é um pouco mais arredondada, isso deve ter beneficiado o posicionamento do alto-falante que fica na parte de trás, mas mesmo quando colocado sobre uma mesa, não tem o som tão abafado.

O botões seguem o padrão Nokia, de um lado, não há nenhum deles, já do outro temos os botões de volume, liga/desliga e mais abaixo o botão dedicado à câmera. A entrada para fone de ouvido fica na parte de cima e a conexão micro-USB em baixo.

Imagens do Aparelho

Câmera

A câmera dele é bem simples, são 5 megapixels de resolução e nenhuma tecnologia especial. Ela atenderá bem quem tira fotos de dia, em boas condições de ilumincação, mas de um aparelho como este não podemos esperar riqueza nos detalhes e cores muito bonitas, um defeito é a falta do flash, não sei até que ponto isso poderia encarecer o preço final do produto, mas acredito que a Nokia poderia ter colocado.

Fora isso, o software da câmera é interessante, o aplicativo padrão não tem nada demais, mas existe o app Foto Inteligente que tira várias fotos e você escolha a melhor situação, há possibilidade de remover objetos, entre outras coisas.

Bateria

A bateria me decepcionou muito no primeiro dia, eu mal usei o celular em após 6 horas ele já estava descarregado. Nesse dia eu tinha apenas escuto podcasts, instalado os aplicativos mais essenciais e configurado minhas contas de e-mail, mas na verdade o que tinha causado esse consumo excessivo era o Rdio, aplicativo de streaming de músicas, ele foi baixando todas as músicas que selecionei pra sincronizar com os dispositivos móveis, o que acabou fazendo com que a bateria durasse bem menos.

Em outros dias a bateria teve um desempenho aceitável, é possível utilizar o aparelho o dia todo, alternando entre Wi-Fi e 3G, navegando moderadamente e escutando música/podcast o dia inteiro. Não é surpreendente, mas também não nos deixa na mão. No geral, ela durou entre 10 e 13 horas.

Desempenho geral e sistema

Me surpreendi com o desempenho, um aparelho na faixa de preço do Lumia 520 não costuma ser tão fluído assim. O que ajuda muito é o sistema, o Windows Phone 8 vira ponto positivo em aparelhos low-end. Nos reviews que fiz dos aparelhos topo de linha da Nokia com Windows Phone, critiquei um pouco o sistema, já que ele carece de variedade de aplicativos e uma central de notificações decente. Claro que isso ainda faz falta nesse aparelho, mas a velocidade e desempenho que encontramos é muito satisfatória, eu diria que a experiência é semelhante a que temos um modelo mais avançado. Talvez se a Microsoft tentasse investir nesse mercado, teria muito êxito.

O Internet Explorer continua me irritando e a navegação pela web não é lá essas coisas em alguns sites. É rápido? É, mas várias páginas aparecem quebradas e com erros, dificultando a leitura.

Os pontos positivos, além do desempenho, são os mesmos que já citei em outras oportunidades: teclado virtual competente, tela inicial personalizável e pacote Office incluso. O Here Maps e Here Drive, aplicativos de GPS e localização da Nokia também são ótimos.

Preço

É certamente o maior atrativo do aparelho, será realmente difícil encontrar um concorrente que tenha tanta qualidade quanto o Nokia Lumia 520, não é por acaso que é o Windows Phone mais popular do mundo. No sistema Android temos um grande concorrente, o Razr D1, se for para compará-los rapidamente eu diria que o modelo da Nokia ganha em desempenho e design, enquanto o da Motorola tem o atrativo da TV digital e do Android, plataforma preferida da maioria atualmente.

É possível encontrá-lo por R$ 550,00 na maioria das lojas, algumas o vendem por R$ 600,00. Se você pretende comprar a vista no boleto, conseguirá encontrar por R$ 466,00 ou mais.

Pontos Positivos

Preço, ótimo custo-benefício
Desempenho, me surpreendeu nesse quesito
Acabamento, para um aparelho desse preço, tem um ótimo acabamento
Sistema, nesse caso o Windows Phone 8 é ponto positivo, acabou deixando o aparelho com ótima fluídez

Pontos Negativos

Câmera, não possui flash
Sistema, tem poucos aplicativos

Conclusão e Notas

O Nokia Lumia 520 me surpreendeu. Se eu pretendesse gastar pouco com um aparelho ou ter um modelo "reserva", seria uma das minhas escolhas, a grande dúvida que bate é em relação ao RAZR D3, entretanto o modelo da Nokia me pareceu ser mais fluído e tem um acabamento de mais qualidade. Infelizmente não pude colocar eles lado a lado e fazer um comparativo, mas seria bem interessante.

Se você procura por um aparelho mais barato, é uma opção a se considerar.

Câmera = Nota 7
Bateria = Nota 8
Velocidade = Nota 9
Sistema = Nota 7
Preço = Nota 9

Avaliação = Nota 8 de 10.