Recentemente escrevi um post detalhando os motivos pelos quais decidi voltar ao Android depois de pouco tempo no iOS, acho que a leitura vale muito a pena para quem está em dúvida entre os dois sistemas. Bem, depois de um bom tempo usando o Nexus 4 finalmente consegui um tempo para escrever o review dele, que inclusive deveria ter saído na semana passada, mas enfim estamos aqui.

O Nexus 4 é um aparelho que possui além de um hardware muito potente, um software completamente polido e fluído. Já cansei de dizer aos meus amigos fãs de Android que não há nenhuma versão do sistema que supere a pura, sem alterações das fabricantes. A ROM da Samsung traz sim alguns truques bem interessantes, mas ainda assim compensa muito mais mexer no Android do jeito que os desenvolvedores do Google pensaram nele.

Atualmente ele é um dos aparelhos mais potentes do mercado e está sendo vendido por um preço bem atraente aqui no Brasil, apesar de ainda estar muito mais caro do que nos Estados Unidos.

Especificações Técnicas

O Nexus 4 possui tela de 4.7 polegadas com resolução de 768 x 1280 pixels, processador quad-core 1.5 GHz Krait, 2GB de memória RAM, câmera traseira de 8 megapixels com flash LED, 8 ou 16 GB de espaço para armazenamento interno, bateria de 2100 mAh. As dimensões dele são 133.9 x 68.7 x 9.1 mm e pesa 139 gramas. Ele roda Android 4.2 Jelly Bean e certamente será atualizado para as próximas versões.

A traseira do aparelho é toda de vidro com um efeito holográfico que lembra lantejoulas, é muito bonito e elegante. A "pegada" dele é muito boa, mesmo sendo um aparelho grande.

Imagens do Aparelho

Câmera

A câmera dele não é um dos pontos fortes, mas também não é um dos pontos fracos, achei que ela está bem na média dos concorrentes. Em fotos tiradas em condições piores de iluminação, há bastante ruído, comum. Com uma iluminação natural ela até consegue tirar belas fotos.

O software de câmera é sensacional, algo que foi introduzido na versão 4.2 do Jelly Bean e que gostei muito foram os gestos, eles estão por (quase) todas as partes. Na câmera, para visualizarmos as opções de configurações de imagens, basta segurar o dedo na tela e depois arrastá-lo para o menu desejado. Tem HDR nativo, tira panorâmicas e inclusive em PhotoSphere, mas os resultados são péssimos, o Google ainda precisa evoluir bastante para que esse recurso passe a ser utilizado completamente.

Bateria

Esse ponto é complicado. Se você já leu sobre o Nexus 4 em algum outro lugar verá que muitas pessoas reclamam da duração da bateria dele, contudo eu não senti que ela seja tão ruim assim. Não sei se foi pelo fato de eu ter saído do iPhone 4S que já não tem uma bateria muito boa, ou se foi pelas configurações que fui fazendo ao usá-lo. Sempre deixo meu NFC, Bluetooth, entre outras opções de conexões desativados, tudo isso gasta bateria e não estamos a usar o tempo todo.

No meu uso do dia-a-dia, que inclui escutar muita música, assistir uns dois ou três vídeos no YouTube, trocar várias mensagens, checar Twitter, Facebook e e-mails de 6 a 8 vezes e alternar entre 3G e Wi-Fi ele foi muito bem. Um dia inteiro sem ir para o carregador, normalmente começo a usar o aparelho as 9:30h e coloco ele na tomada às 1:30h.

Com o uso mais intensivo a bateria dele realmente não dura muita coisa, se você for daqueles que gosta de assistir vários vídeos no YouTube, Netflix ou então não para de tuítar ou navegar pela web, prepare-se porque a bateria dele vai pedir tomada em mais ou menos 5 horas de uso.

Desempenho geral e sistema

Esse é daqueles dispositivos que só de ver a aparência dele esperamos um monstro no desempenho. E o Nexus 4 realmente é. O aparelho não decepciona em nenhum momento no quesito velocidade, certamente foi o aparelho mais rápido que já usei até agora. Estou curioso para poder compará-lo com o Galaxy S4.
Lg-Nexus-4 (9)
A versão pura do Android ajuda bastante na fluidez dele, o Project Butter faz uma grande diferença também. Uma das coisas que mais gosto é o acesso à barra de notificações, arrastando sobre ela com um dedo temos os itens que chegaram, assim como encontramos em todos os Androids, mas se deslizarmos com dois dedos uma outra parte da barra abra, ela exibe configurações rápidas como acesso ao menu completo de configurações, ativar/desativar Wi-Fi, Bluetooth, Dados móveis, entre outros. Outra novidade aqui é que podemos rapidamente responder uma mensagem, apagar um e-mail, tudo direto da barra de notificações, alguns apps já estão otimizados, a notificação de chamada não atendida permite que você retorne a ligação ou envie um SMS, por exemplo.

A tela de bloqueio também mudou nessa nova versão do sistema, podemos adicionar widgets, o que na verdade adiciona uma outra tela de bloqueio e com isso podemos acessar rapidamente a câmera, as mensagens, o e-mail, tudo sem precisar desbloquear a tela.

O navegador padrão é o Google Chrome e ele funciona mais rápido no Nexus 4 do que em qualquer outro aparelho que já testei. Como eu já disse, ele foi até agora o aparelho mais rápido que utilizei, em todos os sentidos.

O Google Now é sensacional, agora os usuários do iOS também podem experimentar ele e pelo que tenho visto, todos estão gostando muito. Acredito que tenha sido a ferramenta mais útil lançada nos últimos tempos e espero que ela chegue ao Google Chrome para incrementar ainda mais a experiência integrada.
Lg-Nexus-4
Algumas pessoas me perguntaram sobre o teclado nativo do aparelho, eu não uso ele, não gostei da maneira que ele corrige as palavras, mas ainda assim é um bom teclado. De qualquer maneira, recomendo sempre o SwiftKey Flow.

Preço

A maioria das lojas vende o Nexus 4 pelo preço sugerido, ele custa R$ 1.499,00. Sim, é muito mais do que é cobrado nos Estados Unidos, mas vendo pelo nosso mercado é um baita aparelho por um preço mais abaixo do que a média dos concorrentes. Em sites de leilões consegui encontrá-lo por R$ 1.200,00, um preço atrativo se levarmos em conta o hardware.

Pontos Positivos

Performance sensacional
Atualizações do Android garantidas
Belo design
Tela muito bonita

Pontos Negativos

Volume do alto falante muito baixo
Bateria poderia durar bem mais
Falta suporte ao 4G LTE

Conclusão e Notas

Se eu morasse nos Estados Unidos poderia dizer que essa seria minha recomendação para qualquer amigo que me perguntasse qual aparelho comprar, ele é vendido por um preço muito bom por lá. Aqui a história não é a mesma, apesar de custar bem menos para um aparelho com essas especificações, ainda assim o recomendaria, mas ele foge do poder aquisitivo de muita gente.

É um dos aparelhos mais completos e bonitos que eu já usei, não me arrependo em nenhum momento de ter trocado o iPhone 4S por ele.

Câmera = Nota 8
Bateria = Nota 7
Velocidade = Nota 10
Sistema = Nota 9
Preço = Nota 8

Avaliação = Nota 8,4 de 10.