Facebook

Um boato surgiu no Twitter dizendo que o Facebook iria acabar em 15 de março. A suposta notícia repercutiu vários países do mundo e muita gente acreditou, mas isso não passava de uma brincadeira.

Uma confirmação oficial do Facebook do diretor de comunicação corporativa, Larry Yu, disse que não passava de meros boatos e que a maior rede social do mundo iria continuar a crescer, mais e mais. O blog Mashable mandou um e-mail ao diretor que respondeu: "A resposta é não, então ajude-nos a pôr fim a este disparate." Ele acrescentou: "Nós não recebemos o memorando sobre o desligamento e não há muito a fazer, por isso vamos manter cranking longe como sempre."

O pessoal que acreditou nisso não pensou a grana que o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg está ganhando. O Facebook está avaliado em 50 bilhões de dólares e vai fechar. Legal, né? Os boatos de mortes de famosos e qualquer outro estão acontecendo diariamente, principalmente no Twitter, mas nenhuma dessas brincadeiras são verdadeiras. E tem gente que acredita em tudo. Tá na hora de pensar um pouco mais na hora de dar um RT sobre algum boato semelhante.