"O Orkut não pára de crescer", esse foi o título do mais novo vídeo da Google Brasil, pra levantar a bola do Orkut, jogando na sua cara que a rede social continua firme e forte. Mas se você está pensando que toda esta apelação, foi pra atrair os velhos usuários de volta, se engana. O Google parece não querer decretar o fim do Orkut e está querendo atrair anunciantes.

No vídeo, vários dados são apresentados, como os 30 milhões de brasileiros ainda ativos no serviço, e também o fato de que com o público jovem da rede, a taxa de retorno é de 95%. Mas alguns números desmentem isso. No início do ano, mais precisamente em fevereiro, foram levantados números, e a pesquisa indicou que naquele mês, o Orkut teve apenas 31 milhões de visitantes únicos, ou seja, sofrendo de uma enorme estagnação.

No mais, são apresentadas estatísticas do final de 2010 ao começo de 2011, como os 93 milhões de scraps (?), e as 63 milhões de fotos, o que gerou no período, 1,6 bilhões de views em 24 horas apenas, e ressalta que o orkut é um dos melhores meios de se descobrir a opnião do consumidor, devido as comunidades.

A Google deveria estar investindo no Google+ (que nem no vídeo foi citado). A nova rede social é a que tem mais potencial para entrar numa boa briga com o Facebook, que já está se encomodando com o novo rival. Veremos quanto mais o Orkut aguenta, fora que seria interessante uma migração dos usuários...