A NHK, uma rede de televisão do Japão, está trabalhando em uma tecnologia que futuramente poderá determinar o humor e o nível de interesse do espectador, e com base nos dados coletados recomendar determinados programas ou canais ao telespectador. Para captar esses dados a tecnologia utiliza uma câmera frontal integrada a TV que detecta as expressões faciais do usuário.

Por exemplo, se o espectador ficar concentrado no programa atual e suas expressões faciais não se alterarem significativamente, a câmera irá interpretar que ele está interessado no programa e não irá fazer novas recomendações. Ela também poderá detectar se o usuário estiver feliz ou triste e com base nessas emoções recomendar programas televisivos.

Certamente é uma tecnologia que precisa percorrer um longo caminho para o aperfeiçoamento. Quem sabe, futuramente nossas TVs recomendem a programação com base na expressão facial. Há ainda a questão  sobre segurança e privacidade, apesar de gostar do conceito, não acho muito interessante a ideia da minha TV me "observando".

A propósito, não poderia deixar de terminar esse artigo sem uma piadinha cretina. Hipoteticamente o espectador deseja assistir sacanagem conteúdo adulto, qual será a expressão facial dele? Bom, na hora eu lembrei a imagem abaixo.

Informações | Newlaunches
Imagem infame | Ñ.Intendo