Sempre observei diversas pessoas, especialmente representantes de empresas de TV por assinatura, se utilizarem erroneamente do seguinte artificio como vantagem para aquisição de tal serviço: “Além do conteúdo variado, você verá pouquíssimas propagandas”. Até hoje estou procurando essas fantásticas empresas e canais...

Como senão bastasse todo mês pagar um valor superior a R$250,00 reais, ainda tenho que acompanhar uma enxurrada de propagandas interrompendo a programação, especialmente em canais como Warner. Ciente do exponencial aumento da exibição de propagandas, a Anatel decidiu intervir.

Além de determinar que sejam exibidos apenas 15 minutos de propagandas para cada hora de programação, a Agência Nacional de Telecomunicações determinou que toda operadora de TV por assinatura deve possuir pelo menos um canal independente de conteúdo nacional.

A previsão é de que as resoluções anunciadas entrem em vigor a partir de outubro. Provavelmente com um "suave" aumento nas mensalidades devido à redução das propagandas... Pois é, quase como ter uma namorada.

Informações | Tecnoblog