microsoft-surface
Fazia muito tempo que a Microsoft não lançava nenhum produto que gerasse tanto interesse entre os consumidores, e ontem eles apresentaram o Surface, em Los Angeles. O dispositivo é um tablet com alguns diferenciais bem atraentes e que também chamará a sua atenção. O objetivo do pessoal de Redmond é tirar um pouquinho do mercado da Apple, que lidera mais que absoluta entre os tablets, e sim, tem potencial para isso.

Como já era de esperado o Surface irá rodar Windows 8, nas versões RT (com processador ARM) e Pro (com processador Intel). Os gadgets foram desenvolvidos pela própria Microsoft, sem a colaboração de nenhuma fabricante, não é como o projeto Nexus do Google que seleciona uma fabricante para produzir o aparelho em parceria, alguns blogs estavam comentando sobre o possível "desentendimento" entre as empresas que poderiam produzir tablets com Windows 8, já que a concorrência com a MS seria desleal, mas acredito que isso não acontecerá, cada uma terá que colocar seus atrativos em seus aparelhos.

Surface com Windows RT

Esse é o modelo mais "básico", ele virá com processador ARM (não foi revelado o modelo dele), terá 675 gramas e espessura de 9,3 mm. A tela tem 10,6 polegadas, ClearType HD Display. Também temos uma porta USB 2.0 completa e uma porta HDMI. Teremos versões com armazenamento de 32 e 64 GB. Esse modelo deve chegar daqui a 4 meses nos Estados Unidos, ninguém falou nada sobre preços e esperamos que não seja tão caro, nada foi comentado sobre a disponibilidade em outros países.

Surface com Windows Pro

Essa é a versão do Surface voltada para profissionais e com mais atrativos. Virá com processador Intel i5 Ivy Bridge, são 900 gramas e 13,5 mm de espessura. A tela de 10,6 polegadas possui resolução em Full HD (1920×1080 pixels). O modelo conta com uma caneta stylus também. Segundo a Microsoft, essa versão funcionará como um computador convencional, inclusive conta com uma saída Display Port para transmitir o sinal de áudio e de vídeo para telas maiores, além de USB 3.0.

TouchCover

Essa foi a parte em que a Microsoft fez do Surface um tablet diferente. Ele tem um suporte próprio, para mantê-lo em pé, não será necessário nenhum case específico para isso, como acontece em outros dispositivos. O case feito para ele é espetacular, chamado de TouchCover, além de proteger o seu aparelho ele irá virar um teclado, transformando seu tablet em um ultrabook, esse case tem apenas 3mm de espessura.

Vídeos e Imagens






Realmente fazia tempo que a Microsoft não apresentava algo tão animador assim, a ideia do Surface é espetacular, principalmente se funcionar da maneira que a companhia prometeu. Falta saber ainda se a bateria deles serão poderosas, o preço (que deverá ser altíssimo) e a disponibilidade.