Samsung Galaxy Tab

A meta de vendas da Samsumg em setembro, era alcançar a marca de 10 milhões de unidades vendidas em um ano, uma taxa bem alta, considerando o preço elevado em relação ao seu concorrente. Em dois meses após a chegada do tablet as prateleiras, a Samsung conseguiu vender 1 milhão de Galaxy Tab pelo mundo.

Vai ser difícil continuar com estas vendas elevadas, visto que o Android 3.0 Honeycomb será lançado e muitos tablets irão utiliza-lo como sistema operaciomal, além da nova versão do tablet da Samsung que deve ser apresentada na Mobile World Congress de acordo com alguns vazamentos.

O Galaxy Tab atual já conseguiu atingir a marca de 2 milhões de unidades vendidas após três meses de sua entrada no mercado, parece que a progressão até agora está indo bem.

Uma das razões que ajudam o produto a se tornar popular, independentemente do preço é que ele está disponível em 94 países, e a Samsung tem acordos com 200 operadoras, por isso é um tablet que pode ser conseguido com facilidade.

Meio milhão foi vendido no Europa, o maior número em relação aos outros continentes, nos EUA foram 350.000 unidades vendidas e na Ásia, 330 mil.

Certamente o Samsung Galaxy Tab é o tablet com Android mais vendido, e o primeiro que conseguiu fazer sucesso, mas longe dos números que o iPad alcançou, foram 7.3 milhões de iPads vendidos entre outubro e dezembro. A Apple não é fácil.