Determinadas redes de lanchonetes ou de pizzarias já trabalham com um sistema de entregas a domicilio mais moderno e eficaz, o consumidor não é mais obrigado telefonar para o estabelecimento para ter o seu pedido entregue diretamente no conforto do seu lar. A famosa rede de pizzarias Dominos, por exemplo, desenvolveu um aplicativo para iPhone que permite ao consumidor customizar, pedir e até mesmo pagar pelo seu pedido através de alguns poucos toques na tela do celular.

Uma pizzaria de Dubai, a Red Tomato, disponibilizou aos seus clientes uma forma igualmente moderna e inteligente para que eles façam seus pedidos e os recebam diretamente em casa. Além disso, através dessa nova maneira os famigerados imãs de geladeira ganham outra utilidade além de poluir visualmente a cozinha do consumidor. O dispositivo funciona da seguinte forma: através de um toque no imã o cliente faz o pedido, logo em seguida ele recebe uma mensagem de texto no celular confirmando o pedido e a pizza é entregue pouco tempo depois.

Naturalmente, para que o pedido apareça no sistema, o dispositivo em questão – no caso o imã – precisa estar conectado a internet. No caso, a conexão se dá via Bluetooth em um smartphone.

Aliás, a criativa campanha feita pela pizzaria para divulgação do dispositivo também merece ser citada. Arrisco-me a dizer que ela parece até mesmo uma campanha para divulgar um filme ou jogo, confiram no vídeo abaixo e não se esqueçam de deixar suas opiniões nos comentários: o que vocês acharam do dispositivo?

Uma dúvida que surgiu enquanto eu estava escrevendo o texto e que a pizzaria responde nos próprios comentários do vídeo: como eles sabem o sabor que o cliente deseja? De acordo com as informações fornecidas pela empresa, os imãs são entregues apenas aos clientes mais leais e, de acordo com o histórico de pedidos do mesmo, o sistema automaticamente detecta o sabor preferido do consumidor. No entanto, se ele quiser variar e pedir um outro sabor, a pizzaria também informa que essa informação pode ser facilmente alterada em seu site.

Fonte: Mashable