Se você é um felizardo cujo bom senso é inversamente proporcional ao valor do seu patrimônio, eis o aparelho de celular ideal para atender suas “necessidades”. Considerado pelo livro Guinness o celular mais caro do mundo, o Chairman é fabricado pela suíça Ulysse Nardin e o seu modelo de entrada custa a bagatela de US$ 14 mil dólares.

Naturalmente, o exterior do Chairman é revestido por materiais nobres de alta qualidade. A parte frontal é composta de fibra de carbono e a tela é revestida por um vidro de safira, extremamente resistente a arranhões. Por dentro, o Chairman roda Android, possui câmera de 8 megapixels e vem com um cartão de 32 GB incluso. Por esse preço, o cartão de memória gratuito é o mínimo que a fabricante poderia fazer.

Se você prefere esbanjar um pouco mais, o Chairman Deluxe deve servir. Nesse modelo há 3 mil diamantes de 17 quilates incrustrados no exterior do celular e, por isso, esse modelo não sai por menos US$ 130 mil dólares.